September 25, 2017

Please reload

Posts Recentes

POESIA - 1º COLOCADO: "Quando preciso ser forte, preciso ser fraco"

November 9, 2017

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

"O Menino que Sobreviveu" e o Evangelho de Cristo

January 27, 2016

 

 

 

 

(Spoiler alert: Este post falará de coisas reveladas nos filmes até As Relíquias da Morte)

 

Olá pessoas!

        Hoje na nossa sessão "Conexões", gostaria de falar sobre uma história épica que marcou uma geração: “Harry Potter”. Sei que há certas polêmicas a respeito dos filmes, da história, se é do cão, se não é... mas enfim, vamos lá!

Para aqueles que talvez não conheçam muito da história, aqui uma sinopse:

 

             O filme se passa numa realidade em que o mundo dos trouxas (humanos comuns) e o mundo dos magos coexiste paralelamente, sendo que os trouxas não tem conhecimento sobre o mundo da magia.  A história gira em torno de um menino chamado Harry Potter, que ainda bebê foi atingido pela magia da morte (Avada Kedavra) do bruxo do mal mais poderoso de todos os tempos, Voldemort, e sobreviveu ao ataque apenas com uma cicatriz, sendo que Voldemort perdeu todos os seus poderes naquela noite. A história retorna quando Harry, já aos 11 anos, recebe a carta de admissão para ingressar na Escola de Magia e Bruxaria Hogwarts, onde seus pais e todos os bruxos famosos da história estudaram.

 

          No decorrer das histórias, você-sabe-quem (nome usado para não falar 'voldemort') está sempre à espreita, tentando recuperar seus poderes e voltar com seus planos de dominar o mundo. Porém, até o quarto filme ainda permanecia o mistério: como um bebê pôde sobreviver ao Avada Kedavra de um dos bruxos mais poderosos da história?

 

     

A resposta vem do próprio Voldemort. No quarto filme, Quando o lorde das trevas (Voldemort, ele tem vários títulos) consegue voltar à vida (na verdade ele nunca morreu, mas pra entender, assista o filme), ele revela a Harry o grande mistério: Foi o Amor. Segundo Voldemort, o amor de sua mãe, ao se sacrificar por ele, criou uma proteção máxima, superior à magia da morte, e por isso Voldemort não pôde matá-lo enquanto era bebê. A partir disso, surge uma profecia que liga os destinos de Harry e Voldemort, e um não pode viver enquanto o outro estiver vivo. No fim da história, Dumbledore – grande bruxo, representante do bem na história e mentor de Harry, diz que ele sabia que Harry teria que se sacrificar para derrotar Voldemort e planejou para que isso acontecesse.

 

E a conexão?

Pense nisso:

  • Existia um grande mal, que ameaçava dominar todo o mundo e fazê-lo cair em condenação;

  • Por causa de um sacrifício de Amor, surgiu a esperança nos corações dos que ansiavam pela justiça, de que aquele mal iria ter fim.

  • A Esperança na terra foi materializada por meio de um bebê, que cresceu e desenvolveu a obra que já lhe havia sido profetizada. No fim, por causa de um sacrifício de Amor, o reinado das trevas chegou ao fim, e a paz finalmente chegou ao mundo.

  • A salvação oferecida ao mundo por meio de um sacrifício havia sido planejada pelo grande representante do bem.

Isso não parece familiar?

 

"Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus;"
Romanos 3:23

 

Houve um mal que passou a assolar toda a humanidade, desde o pecado de Adão. A partir daí, todos passaram à servidão do pecado, não tendo acesso à liberdade da Presença de Deus, mas escravos de seus próprios desejos corrompidos e depravados, e sem chance de conseguirem se livrar por si mesmos.

 

“Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz."
Isaías 9:6

 

“E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.”
Gênesis 3:15

 

A profecia do menino que viria a nascer e mudar o mundo. "Um não pode viver enquanto o outro estiver vivo"; o Cristo prometido pisaria na cabeça da serpente, e destruiria o seu reinado.

 

 “Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.”
Romanos 5:8

 

Ele foi o cordeiro de Deus, entregue por Amor, para sofrer a morte devida aos pecadores, transgressores da lei de Deus, merecedores da condenação eterna.

 

“Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido;”
Isaías 53:4

 

Deus, o autor e consumador de nossa fé e salvação, já havia, desde tempos eternos, planejado o sacrifício de Cristo, e Sua ressurreição, para que, por meio dEle, o mal do pecado pudesse ser vencido em nossas vidas, e fôssemos reconciliados com o Deus.

 

 “E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória.” I Coríntios 15.54

 

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos,”
1 Pedro 1:3

 

           Pelo Seu sacrifício, ele paga pelos nossos pecados; pela Sua ressurreição, Ele nos dá uma nova e viva Esperança, de que nem mesmo a morte, o maior dos inimigos, é capaz de superar o Amor e Vida que vem de Deus. Pela grande promessa dada pelo nosso salvador, de uma segunda vinda, aguardamos com ardente Esperança a Sua vinda em glória, para que sejamos com Ele eternamente.

 

          É isso aí, pessoal, esses são alguns links que fiz no decorrer da história de Harry Potter com a bíblia. É claro que a história tem muitos outros elementos que valem uma análise (tanto positiva como negativa), porém, fica bem claro que a história de Harry Potter tem uma forte inspiração na ideia do "messias". Depois de olhar pra tudo isso, não sei vocês, mas acho que consigo encontrar mais links entre Harry Potter e a mensagem do Evangelho do que algumas pregações em certas igrejas por aí...

 

            Enfim, espero que tenham gostado, que tenha servido para edificação e para fazer-nos entender mais que, mesmo em coisas aparentemente não cristãs, é possível fazer links com a bíblia, e usar isso tanto para edificação pessoal como para compartilhar o Evangelho com alguém que conhece mais de filmes e series que da Bíblia (que esse não seja você, hein).

 

Uma ressalva: se você pensa/sente que se você assistir determinada coisa, você estará pecando, não assista, por causa da sua consciência com Deus; mas não esqueça que só pode ser colocado como um mandamento de Deus para todas as pessoas aquilo que se entende claramente pela bíblia. Na dúvida, oração, embasamento bíblico e diálogo são melhores que brigas e divisões. ;)

 

---

Por Alan Keuce

"Seja alguém de quem o mundo não é digno" (paráfrase Hb.11.38)

Please reload

Siga
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now