September 25, 2017

Please reload

Posts Recentes

POESIA - 1º COLOCADO: "Quando preciso ser forte, preciso ser fraco"

November 9, 2017

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Majin Boo e a Luta contra o Pecado

August 26, 2016

 

 

Olá pessoas! Há quanto tempo!

 

       Primeiro, peço perdão pelo tempo sem postagens no blog. Muitas coisas aconteceram nesse tempo, fiquei muito cheio e acabei ficando sem condições inspirativas e temporais de escrever, rs... Mas agora acho que vai!

 

              Então, esse post será sobre o conhecidíssimo anime Dragon Ball Z. Primeiro, um pequeno resumo do anime aos que não conheçam tanto:

 

Dragon Ball Z é a continuação do anime Dragon Ball, que tem Goku (também chamado Kakaroto) como protagonista. Goku é pertencente a uma raça alienígena de guerreiros chamada Sayajin. O planeta original dos Sayajins é o planeta Vegeta; porém, em conflito com o Freeza, o planeta Vegeta foi destruído, e Goku foi um dos sayajins sobreviventes, pois havia sido enviado quando bebê a um planeta chamado terra (ou seja, nosso planeta), para o conquistar. Porém, Goku percebe a terra como seu lar, e luta ao lado de seus amigos para defendê-la contra monstros ou guerreiros poderosos que querem dominar o mundo/universo (ou mostrar que são os mais fortes ou só destruir tudo mesmo). No anime, existe o poder chamado Ki (nome usado para se referir à aura), usado especialmente pelos guerreiros em suas lutas.

 

-------------

 

           Então, vamos lá, pela imagem do post, já devem ter percebido que vou falar agora especialmente do temível Majin Boo, um dos grandes vilões do desenho.

 

 

 

Mas quem é ele e porque ele é tão temido? E o que isso tem a ver com a luta contra o pecado?

 

             Bom, Majin Boo é um monstro (seria demônio, mas vou evitar usar essa palavra, ok?) que aterrorizou o universo em tempos passados, destruiu vários planetas e tirou incontáveis vidas. Majin Boo, quando surge no desenho, parece um pateta, inocente e bobo, não faria mal a ninguém. De repente, ao receber um comando do mago Babidi, percebe-se que não é tão inocente assim, mas tem um poder extremamente grande e sente prazer em matar as pessoas, sem qualquer remorso. Futuramente ele vai se transformando e perde sua aparência de inocência.

 

 

 

 

              Essa é a forma final-original de Majin Boo, e também a forma na qual ele mostra toda a sua perversidade. É a verdadeira natureza de Majin Boo, que havia tomado aquela forma mais robusta (risos) por causa de suas absorções – ele acabou pegando traços da personalidade dos absorvidos também. Ah, uma observação importante é que a cada transformação ele meio que é batizado com nomes diferentes, mas vou resumir todas as formas em Majin Boo.

 

Continuando... Majin Boo tem também algumas habilidades especiais:

 

* Seu corpo é altamente flexível e elástico – ele tem grande resistência a ataques físicos e um alto grau de resistência e recuperação;

 

* Capacidade de absorção – Majin Boo tem a capacidade de absorver pessoas, ficar mais forte com suas energias e utilizar suas habilidades (ele tem inclusive uma habilidade de lançar um raio que transforma qualquer objeto em outro que queira, e costuma transformar humanos em doces e comê-los...é uma forma de absorver seus poderes);

 

 

Vamos às Conexões...

 

 

            Então... Majin Boo é um monstro perigoso, assim como o pecado na nossa carne. Estava pensando na minha vida, em como às vezes o pecado se manifesta na minha carne de uma maneira semelhante ao Majin Boo.... Honestamente, às vezes ele parece imbatível, a sua influência, sua força sobre minha vontade parece incontrolável. No anime, inicialmente, Boo sobrepuja todos os guerreiros que o tentam combater, e na luta às vezes parece que está apenas... brincando.

 

            Na nossa luta contra o pecado, até mesmo o apóstolo Paulo reconhece (assim eu entendo) que é um forte inimigo, que por vezes se sobressai na luta da carne contra o espírito.

 

“Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico.”
Romanos 7:19

 

            E não é exatamente por falta de luta. Assim como com Majin Boo, parece que não importa o quanto eu lute contra essa natureza pecaminosa, às vezes o espanque até a beira da morte, ele sempre volta (às vezes parece mais forte que antes) e causa problemas. Não é tão animador quando você pensa em um inimigo que você não consegue derrotar definitivamente, e cujas ações são superproblemáticas de se lidar... Assim como o Majin Boo, essa natureza chega até ser muito enfraquecida, mas sempre volta... é frustrante!

 

           Também, assim como Majin Boo muda de forma e fica mais forte quando absorve as pessoas, nossa tentação parece que muda de forma, nos atacando em diferentes áreas, conforme o que estivermos mais enfraquecidos... orgulho, vaidade, sexualidade, a tentação vai mudando de forma e às vezes parece que sempre estamos numa situação difícil diante dessa nossa natureza corrompida, que nos arrasta para esse abismo do pecado, procurando tirar nossos olhos do Amado...

 

“Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte?” !
Romanos 7:24

 

 

 

 

 

 

           Mas não temos o que temer! Assim como no fim da história, com uma super Genki Dama, Goku pôde derrotar Majin Boo, que parecia invencível, também o nosso Cristo, pela sua morte e ressurreição, derrota o pecado em nossa carne, na medida em que, à sua semelhança, tomamos a nossa cruz e o seguimos. Esse é o convite do Senhor, se quisermos vencer esse inimigo que quer nos matar, precisamos morrer.

 

              Gohan (filho de Goku) tentou encontrar forças em si mesmo para vencer Boo, e pareceu que ia conseguir, mas foi enganado pela confiança em si mesmo, e absorvido pelo monstro. Infelizmente, muitos acabam confiando em si mesmos, e são absorvidos pelo impostor, pelo desejo de pecar; outros apenas se entregam a ele sem tanta resistência, vendo que é muito forte, e que não poderão ir contra por muito tempo...

 

             Goku, por outro lado, entendeu que não tinha forças suficientes em si pra vencer Majin Boo, mas não se entregou. Ele apelou para as energias de todos os habitantes da terra. Para nós, temos o Deus todo poderoso para clamar por socorro. Temos a garantia de que, se sinceramente nos entregarmos a Ele, com confiança e fé verdadeira em Sua salvação, Ele nos socorre. E mesmo agora, ainda no meio da história, somos fortalecidos pelo Senhor, para perseverarmos em lutar contra esse inimigo, até que chegue o Grand Finale.

 

“E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.”

2 Crônicas 7:14

 

           Continua em nós, então, a batalha contra esse monstro poderoso, o impostor que vive em nós, nossa natureza pecaminosa. Não desistamos, pois, mas perseveremos em enfraquecê-la. Mantenham-se firmes na Esperança da promessa do nosso Senhor pois, naquele grande dia, se não desfalecermos, o pecado será derrotado em definitivo, e seremos finalmente livres do pecado para sempre!

 

“Graças, porém, sejam dadas a Deus, que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo!
Por conseqüência, meus amados irmãos, sede firmes e inabaláveis, aplicando-vos cada vez mais à obra do Senhor. Sabeis que o vosso trabalho no Senhor não é em vão.”

I Coríntios 15:57,58

 

--

por Alan Keuce

"Seja alguém de quem o mundo não é digno"(paráfrase Hb.11.38)

 

Please reload

Siga
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now